quinta-feira, 14 de setembro de 2017

A sessão legislativa precisa da presença do povo para que faça sentido o trabalho do vereador



Na quarta-feira (13), teve sessão na câmara de Bacabeira. Geralmente é o dia em que cada vereador aproveita para tirar suas ideias da mente, colocá-las no papel para que possam virar lei, beneficio para comunidade. 

Em todas as sessões, a vereadora Kellyane (PMB) tem sempre em pauta alguma reivindicação, requerimento ou indicação para ser levada à apreciação de seus pares. E hoje não foi diferente. 

Toda história política de qualquer cidade é feita por homens e mulheres que, de alguma forma contribuíram para o desenvolvimento ou até o nascimento do município. E a forma de você ser grato pelos trabalhos prestados é prestando homenagem. 

O Centro de Convenções de Bacabeira está pronto. Uma obra significativa da prefeitura que, será de uma utilidade imensa para diversas atividades. No entanto, aquele espaço precisa de um nome. Foi aí que a vereadora Kellyane resolveu agir.

Talvez os moradores mais novos de Bacabeira não conheçam a história de uma senhora que há vinte e um ano nos deixou. Dona Ana Silva Calvet. Ou simplesmente dona Nicota como era conhecida naquela Bacabeira de outrora.

O papel crucial de Ana Silva Calvet para esta cidade é de uma demasiada e imensurável importância. A sua simplicidade e generosidade foram suas marcas que, fizeram dela, não uma moradora qualquer deste município de Bacabeira, mas uma personagem única. Importantíssima para que nós bacabeirenses possamos dizer que "moro na cidade de Bacabeira".

Foi por um pedido. Um único pedido feito para um ex-presidente da república, o senhor José Sarney que, mudou tudo. Naquele momento delicado de emancipação de vários municípios, Bacabeira por uma jogada política meio maldosa de alguns políticos da época, estava sendo retirada dentre as cidades para serem emancipadas. Foi bem aí que o pedido de Dona Ana Silva Calvet, a seu compadre ilustre, fez toda diferença. 

Muitos, talvez não entenderão a importância desse gesto. Outros que conhecem bem essa história, querem ignorá-la ou fingir que ela nunca existiu. Outros tantos se acovardam porque a verdade histórica jamais será apagada. Então uma homenagem pode ser justa a quem merece ser homenageada. 

Kellyane entrou com o Projeto de Lei de n• 021/2017 na Câmara: Denomina Ana Silva Calvet o Centro de Convenções do Município de Bacabeira. Vamos ver se os vereadores serão presunçosos a ponto de darem de costas a história deste município. Ou se terão a grandeza dos homens que também podem fazer história, através do gesto de reconhecimento. Vamos esperar e ver!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vereadora Kellyane Calvet corrige um fato da história na última sessão da Câmara

No dia 08 de novembro de 2018, na sessão da Câmara, a vereadora Kellyane Calvet fez uma correção a um equívoco histórico que, para el...