quinta-feira, 23 de novembro de 2017

FEMINICÍDIO. Uma pauta que precisa ser discutida por ser uma realidade que tem colocado fim na vida de muitas mulheres

.


É um assunto relativamente novo mas que de certa forma é uma prática intoleravelmente antiga. A LEI Nº 13.104, DE 9 DE MARÇO DE 2015. Altera o art. 121 do Decreto-Lei no 2.848, de 7 de dezembro de 1940 - (Código Penal), para prever o feminicídio como circunstância qualificadora do crime de homicídio, e o art. 1oda Lei no 8.072, de 25 de julho de 1990, para incluir o feminicídio no rol dos crimes hediondos.

Assim, essa drástica realidade precisa ser enfrentada não apenas por esfera de governo federal ou estadual, mas também, pelo governo municipal. realidade dramática é aprimorar as condutas dos profissionais envolvidos nos processos de investigação e julgamento de crimes de feminicídio. 

Preocupada com este alarmante quadro, a vereadora kellyane Calvet levou ontem, 22, para a sessão da câmara municipal este assunto  para que seja combatido e discutido com os poderes locais. Demonstrando preocupação, Kellyane apresentou números, casos do dia-dia em que várias mulheres são vítimas de FEMINICÍDIO. Inclusive mulheres bacabeirenses. 

"Trago esta pauta para o poder legislativo, porque como mulher é minha obrigação sair em defesa de nós mulheres enquanto parlamentar. Bacabeira, a nossa cidade já ha relatos de mulheres que vem sofrendo todo tipo de violência que precisa ser combatida veementemente por todos nós. E a câmara de Bacabeira, todos os vereadores não estaremos omissos. Vamos cuidar das pessoas. Em especial às mulheres. Braço forte da sociedade." Assim concluiu a vereadora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vereadora Kellyane Calvet corrige um fato da história na última sessão da Câmara

No dia 08 de novembro de 2018, na sessão da Câmara, a vereadora Kellyane Calvet fez uma correção a um equívoco histórico que, para el...